Testemunhos - Ana Silva - Mestrado em Engenharia Biomédica

Ana Luísa Silva

Mestrado em Engenharia Biomédica

Uma das experiências mais fantásticas que vivi até ao momento foi a realização do estágio Erasmus na Universidade de Oxford.
Fotografia de Beatriz Bernardes

Beatriz Bernardes

Estudante de Doutoramento e Professora Assistente
Escola Superior de Biotecnologia da Universidade Católica Portuguesa
Mestrado em Engenharia Biomédica

O mestrado em Engenharia Biomédica permitiu-me adquirir conceitos básicos e específicos relacionados com a área da saúde, hospitalar e engenharia. Durante o curso não tinha noção de como estes poderiam vir a ser importante na minha vida profissional e o quanto estes poderiam ser aplicados nas mais vertentes áreas, não só na área biomédica. Tive a oportunidade de aplicar todos estes conceitos na minha vida profissional. Esta iniciou-se numa empresa especializada na área de transferência de calor, mais concretamente, no desenvolvimento de sistemas isotérmicos para a área Alimentar, Farmacêutica e Hospitalar.

O Mestrado em Engenharia Biomédica permitiu-me adquirir competências antes não desenvolvidas, como a resposta a determinados desafios impostos durante o curso e o desenvolvimento de soft skills (Pensamento crítico, trabalho em equipa, comunicação, organização, entre outros).

A ESB é uma segunda casa para mim. Em 2013 iniciei a minha licenciatura e desde então tenho-me mantido sempre ligada à instituição. Durante o meu percurso académico estive envolvida na associação de estudantes, nas jornadas de biotecnologia, na praxe e no programa de mentorado. Tenho que agradecer à ESB por me ter dado a oportunidade de puder crescer participando nas mais variadas ações criadas pela universidade e pelos estudantes, assim como a relação interpessoal que estabelecemos com os professores e profissionais da organização.

No meio disto tudo o que tenho mais saudades é estar diariamente com os amigos que a faculdade me deu, sem ter grandes responsabilidades e preocupações, não é atoa que o ano de finalista nos toca da forma que todos por que aqui passamos sabemos.

A minha carreira pós-mestrado iniciou-se naquilo que sempre quis, numa indústria. Durante o meu percurso académico nunca pus em questão seguir investigação e muito menos prosseguir para doutoramento. No entanto, passado 2 anos a trabalhar na parte industrial percebi que o que realmente me fazia feliz era a área da Investigação, pelo que hoje, estou a fazer doutoramento na instituição que tão bem me acolheu.
Fotografia de Francisca Costa

Francisca Costa

Área de produção de um biomaterial para regeneração óssea | Colaborar com o departamento de Design & Desenvolvimento
Empresa Artur Salgado, S.A.
Mestrado em Engenharia Biomédica

O mestrado em Engenharia Biomédica ofereceu-me ferramentas técnicas adequadas que pautaram a minha imediata inserção no mercado de trabalho e acredito que as versáteis competências adquiridas nesta instituição serão fundamentais para definir o meu percurso profissional de forma competente e promissora.

Para além disso, saliento todas as soft skills que tive também oportunidade de desenvolver, desde pensamento crítico, responsabilidade, trabalho em equipa ou capacidade de comunicação e organização, que me moldaram profissionalmente e pessoalmente!

Esta é uma instituição que promove distintamente a comunicação entre alunos e docentes, estabelecendo-se, desde o início, um proativo e recetivo ambiente que me fez sentir sempre apoiada e motivada ao longo de todo o percurso acadêmico!

Considero-me feliz com o caminho profissional que estou a começar a traçar e ansiosa pelo que está por vir!
Fotografia de João Alexandre

João Alexandre

Analista de Autorizações e Operações em SAP
Siemens SA
Mestrado em Engenharia Biomédica

A passagem pelo Mestrado em Engenharia Biomédica potenciou em mim o desenvolvimento de qualidades analíticas e técnicas, bem como metodologias de trabalho que me permitiram singrar no mercado de trabalho. Adicionalmente, pude usufruir dos serviços de apoio aos Estudantes e à Empregabilidade da Universidade, para me auxiliarem com o ingresso na vida profissional.

Foi no MEB onde pude desenvolver e maturar características como: a ambição, a criatividade, o espírito investigativo e a resolução de problemas. Como tal, estas características ser-me-ão sempre transversais à vida pessoal e ao que significa ser Engenheiro Biomédico.

As aulas, os trabalhos de grupo, os colegas, e a possibilidade de trabalhar em projetos ambiciosos juntamente com os professores, de igual para igual.

Até então a minha carreira corresponde ao que procurava: ingressar num meio empresarial e multinacional. Quanto aos sonhos, estes vão-se adaptando e evoluindo de forma a que eu possa continuar a correr atrás de novos objetivos.
Fotografia de Marta Sofia Magalhães Duarte

Marta Sofia Magalhães Duarte

Bolseira de doutoramento em Biotecnologia
Centro de Biotecnologia e Química Fina, Escola de Biotecnologia da Universidade Católica Portuguesa
Mestrado em Engenharia Biomédica

De uma forma geral, o Mestrado em Engenharia Biomédica da UCP ajudou-me imenso a adquirir os talentos e espírito critico e criativo necessários para ingressar numa carreira em investigação científica. O foco no trabalho prático e incentivo à escrita científica que presenciei durante a minha estadia neste mestrado tornou a entrada num ambiente laboratorial muito mais confortável. Mais pessoalmente, foi durante este mestrado que tive o primeiro contato com a área de Biomateriais, um ramo que me cativou imenso, e que decidi seguir durante o projeto de doutoramento.

Antes da minha estadia na UCP, eu sentia-me algo intimidada em ambientes laboratoriais, visto que muito da minha formação de licenciatura teve um foco mais teórico. Devido ao foco mais prático deste mestrado, consegui desenvolver-me muito neste aspeto. Sinto agora muito mais confiança como investigadora, e esta confiança também se alastrou para alem da área profissional.

Apesar de adorar a área científica onde me encontro, sinto saudades dos tempos como estudante onde se é exposta a um elevado número de diferentes ramos científicos e especialistas, aprendendo de tudo um pouco. Absolutamente. Já quando primeiro me inscrevi para a licenciatura, o meu desejo era envergar por uma carreira de investigação científica. Ser uma bolseira de doutoramento é um sonho realizado.
Avatar

Neuza Botelho

Regulatory and Quality Area, Medical Department
Janssen-Farmacêutica Portugal, Grupo Johnson & Johnson
Master’s in biomedical engineering - Degree in Bioengineering in 2011 and Master in Biomedical Engineering in 2013

It is a school with a great reputation in terms of Biotechnology, with a very high level of demand and that actively promotes proximity and interaction between students and teachers. In particular, I would like to highlight the privileged network of international contacts that gave me the fantastic and enriching opportunity to integrate the University of Oxford, where I carried out my master's thesis.

The set of all the acquired knowledge and lived experiences made my professional path start to be traced in a promising direction, soon after finishing my study cycle. It is undoubtedly a faculty that develops not only professionals, but also people.

My thanks to this excellent school!

Fotografia de Randy Quintus

Randy Quintus

Deployment and Support Engineer
Sectra – Medical imaging IT
Mestrado em Engenharia Biomédica

Throughout my master’s degree, I was introduced to various concepts and tools related to medical imaging, hospital management and even coding. Since I am currently working in the field of medical imaging IT, I am able to apply some of that knowledge on a daily basis.

Due to the multiple group assignments during this degree, I was able to increase some of my soft skills such as: communication skills, time management and listening skills.

What I most fondly remember from my student days at ESB are the professors. The majority of the professors appeared to be very accessible. I was always able to reach out to my professors and asking them for advice/feedback, inside and outside the classroom. In fact, most professors were encouraging their students to reach out to them in case of any doubts. As a result, I always felt supported throughout my master’s degree.

Fotografia de Raquel Pires

Raquel Pires

IT Quality Assurance
BIAL
Mestrado em Engenharia Biomédica

A formação completa numa área laboratorial, mas também a abordagem do curso numa área mais técnica proporcionou-me uma aptidão para desempenhar papéis em diferentes vagas e diferentes áreas. Levou-me a redescobrir novos interesses e a trabalhar características importantes para o mundo do trabalho como resiliência e sentido crítico. Felizmente a minha experiência foi relativamente rápida, isto porque consegui arranjar emprego antes de defender a minha tese de mestrado. O que tenho mais saudades é do grupo de amigos que pude construir e o ambiente mais familiar que distingue a Escola Superior de Biotecnologia das outras faculdades. Sinto que me encontro numa fase de descoberta e a perceber as diferentes oportunidades que este curso nos proporciona, mas com certeza posso dizer que de momento me encontro muito realizada com a atividade profissional que me encontro de momento.
Fotografia de Teresa Araújo

Teresa Araújo

Tech Analyst
Deloitte Portugal
Mestrado em Engenharia Biomédica

Durante a minha passagem pela Universidade Católica, adquiri uma formação bastante completa (quer a nível teórico como prático), potenciando assim a minha evolução a nível profissional. Ao longo dos anos, fui adquirindo conhecimentos diversificados que me ajudaram a saber trabalhar fora da minha zona de conforto. Pessoalmente, sinto que cresci bastante a nível pessoal, muito essencialmente devido às vivências a nível extracurricular. Destaco o meu envolvimento na CASO (voluntariado) e também a experiência de Erasmus em Roma. Como estudante, vou para sempre recordar a proximidade e a ligação criada com os professores, bem como o bom ambiente com os colegas. Sendo o curso de Engenharia Biomédica bastante multidisciplinar, existem diferentes tipos de carreiras que podemos seguir. O âmbito da consultoria sempre me interessou, pelo que estou bastante motivada com esta recente entrada no mundo profissional.

Contactos

2. Queremos falar consigo!

E-mail: biotecnologia@ucp.pt

Tel: 932 011 541 (chamadas, sms, WhatsApp, Telegram, Signal)

Agende connosco uma reunião online​